Líder da Assembleia de Deus morre aos 80 anos, deixando um exemplo para nova geração

Anúncios

Sendo líder da Assembleia de Deus por 10 anos, o pastor George Wood, descansou no Senhor no dia 12. Deixando um exemplo de grande trabalho para os que ficam.

Ele era um divulgador da mensagem bíblica para o mundo, ajudou a espalhar a igreja para diversos países, com grandes ações evangelísticas.

Ele foi diagnosticada com um câncer em 2021, doença que a levou à morte. O pastor Wood mostrava para a igreja como estava o seu estado de saúde e a progressão da doença. Mesmo assim, seus estudos pelo Facebook não foram colocados de lado.

Líder da Assembleia de Deus morre aos 80 anos, deixando um exemplo para nova geração

O pastor Wood tinha uma fé racional, sabia que toda essa situação era devido ao estado deste mundo passageiro, que ele assim como todos estão no mesmo terreno. Sabia que não era falta de fé e que Deus estava à frente de tudo. Assim como a cantora Ludmila Ferber, ele deixa grande testemunho em meio a enfermidade.

“Ele dizia para as enfermeiras que tinha duas grandes alternativas, a cidade de Springfield ou o céu, que se ainda estava enfermo não era por falta de fé dele ou das pessoas que oram por ele”. (BTD)

Anúncios

Sendo um grande líder, foi muito participativo das ADD dos EUA, 4° líder mais antigo do ministério. A igreja que era responsável tinha uma atuação de mais de 107 anos, pregando para muitas pessoas ao redor do mundo.

Na vida do pastor Wood tem muita coisa marcante, uma delas é na sua infância. Quando criança, foi o primeiro superintendente geral a ser missionário.

Além disso, foi um grande estudioso, tendo formação Ph.D. pela AD Evangel University. Seguia as mudanças tecnológicas, que facilitaram o seu trabalho, como o computador, foi o primeiro a ter em seu trabalho.

Sua biblioteca tinha um bom acervo de livros, que eram bem estudados e serviram em sua vida de pregação por onde passava.

O impacto positivo que deixou na Assembleia de Deus nos EUA foi muito grande, ao ponto de mostrar a diferença de membros, antes e depois de seu ministério.

Anúncios

O resultado de seu ministério foi de um crescimento para 3.240.258 pessoas, em 2007 aumentou 12 mil novos membros. Uma ação que marcou muito a sua vida foi a de orar pela reconciliação racial.

A vida do pastor Wood demonstra uma grande vontade de fazer o possível pela igreja, buscando pessoas pela pregação e arrecadando fundos para ajudar no crescimento da instituição.

Mais de US$ 23 milhões foram levantados para que não somente a igreja pudesse expandir e reparar algum dano, como também ajudar em bolsas de estudo.

“Seu ministério de atuação foi destacado na presidência da Fraternidade Mundial das Assembleias de Deus, presente em 160 países”.

Independente de crença doutrinária, é inegável a ação de Wood em sua vida. Ele falava da importância da caridade e que sem ela a igreja não pode levar a mensagem de Cristo à frente.

Seus 80 anos demonstra uma grande experiência que marcou a sua trajetória, deixa um legado para aqueles que desejam seguir pregando o evangelho.

Para Wood, a igreja perde toda credibilidade sem a ação adequada, por isso, o verdadeiro espírito missionário deve fazer parte da vida do crente.

Deixe seu comentário de fé abaixo